in , ,

Roteiro da Grécia – O que fazer em Mykonos

Anoitecer nos moinhos de Mykonos

A última ilha que visitamos na Grécia foi Mykonos. Quando eu pensei que nada mais pudesse me surpreender nesse país, afinal, estávamos há 18 dias rodando pela Grécia, vendo um lugar mais incrível que o outro, chegou Mykonos, para provar que a Grécia pode, sim, SEMPRE nos surpreender positivamente.

Uma ilha que agrada a todos os tipos: crianças, jovens, pessoas de idade, aqueles mais festeiros ou aqueles mais da natureza. Independente do seu perfil, você vai amar Mykonos e tudo o que tem pra fazer na ilha.

Conhecida por ser a ilha mais festeira da Grécia, ela realmente faz jus à fama, afinal, são vários bares, beach clubs e festas para todos os gostos. Confesso que eu estava um pouco apreensiva quanto a Mykonos, pois não curto muito esse agito e prefiro um passeio mais natureza, mas mesmo assim, admito que julguei mal a ilha e foi mais um lugar que eu amei na Grécia.

Dicas pra economizar em Mykonos

Pesquise e reserve hotéis em Mykonos com descontos de até 80%
Faça um orçamento do seguro viagem obrigatório na Europa
Tenha Internet na Grécia com chip internacional
Alugue um carro com desconto em Mykonos
Reserve os melhores passeios na Grécia

Ao contrário do que a gente lê na internet, Mykonos não é só festa, suas praias são também maravilhosas. Sendo assim, na ilha que vale tudo, a única coisa que não vale é não se divertir e aproveitar cada cantinho da ilha.

Roteiro da Grécia - Descubra tudo o que fazer em Mykonos
Roteiro da Grécia – Descubra tudo o que fazer em Mykonos

Como chegar em Mykonos

Ferry

Mykonos, junto com Santorini, são as ilhas cíclades mais famosas da Grécia, então é muito fácil chegar até lá, são muitas opções de ferry ou de avião, saindo tanto de Atenas quanto das outras ilhas.

Para verificar os principais ferries para a ilha, acesse o link: www.ferries.gr/greek-islands-ferry. Lembrando que na alta temporada é bom comprar as passagens com antecedência, pois Mykonos é uma ilha que fica muito cheia. Nós fomos em Maio, antes da alta temporada e mesmo assim estava lotada, foi a ilha mais cheia que visitamos.

Avião

Os vôos são operados basicamente pelas companhias Olympic Air e Aegean Air. Nós chegamos até lá de avião, saindo de Milos (com escala em Atenas). Como em Milos estava ventando muito no horário de saída, nosso voo atrasou e acabamos perdendo a conexão em Atenas. Mas assim que desembarcamos do avião, um funcionário da Olympic Air já nos esperava na porta do desembarque, nos conduziu para o balcão da empresa e nos colocou no próximo voo para Mykonos, que seria dali a uma hora.

Devido ao atraso (que não foi culpa da empresa e sim das condições climáticas), eles nos deram dois vales, com direito a escolher dois vôos de graça, para qualquer lugar que a companhia opere, válidos por um ano. Já cansei de perder conexões em outras companhias, por erro da própria empresa e nunca recebi nada parecido, realmente esses gregos sabem como agradar o cliente.

Acho que teremos um motivo para voltar à Grécia nas próximas férias! Além disso, nos deram vales alimentação no valor de 30 euros, para compensar o tempo de espera no aeroporto. Não tivemos nada a reclamar dessa companhia, pelo contrário, todos os vôos que pegamos foram ótimos e esse episódio, apesar de ter nos feito perder algumas horas em Mykonos, nos fez ficar ainda mais satisfeitos com o atendimento da empresa.

Onde ficar em Mykonos

Como nas demais ilhas, decidir onde se hospedar sempre gera muitas dúvidas e vai depender muito do perfil de cada um. Para tomar essa decisão, vale lembrar que Mykonos é basicamente dividida em nove vilas principais: Chora, Ornos, Agios Ioannis, Platis Gialos, Kalafatis, Ano Mera, Tourlos, Praias do Norte e Praias do Sul.

Nós escolhemos nos hospedar em Chora, que é considerada a capital da ilha e pode ser toda explorada a pé. Suas ruelas de pedra formam um mosaico, cheias de lojinhas, restaurantes, museus, cafés, bares, baladas, festas e hotéis, encantam os turistas e se perder caminhando por ali já é um passeio! De Chora, é muito fácil acessar as demais regiões da ilha, de carro ou de transporte público, sendo, na minha opinião, o melhor lugar para se hospedar. Chora é o coração da ilha!

+Encontre uma oferta de 50% nos hotéis de Chora

Nós ficamos no Hotel Poseidon, que foi o melhor hotel da viagem. O quarto era muito confortável, com uma linda vista para o mar e para o pôr do sol. A piscina era ótima também e saindo dela, bastava atravessar a rua que estávamos numa pequena praia, praticamente particular, uma delícia. O café da manhã então? Era maravilhoso e cheio de opções!

Hotel Poseidon, excelente custo benefício
Hotel Poseidon, excelente custo benefício

Do nosso hotel era possível também ir caminhando para a região dos moinhos, famosa por ter uma das vistas mais bonitas para o pôr do sol da ilha. Da janela do nosso quarto víamos os moinhos e dava uns 5 minutos de caminhada até lá.

Vista do nosso quarto com os moinhos ao fundo
Vista do nosso quarto com os moinhos ao fundo

Se você busca regiões mais tranquilas para se hospedar, Ornos, localizada 3km ao sul de Chora, pode ser uma boa opção. A região conta também com alguns restaurantes e muitas famílias se hospedam por lá. Apesar de ter uma praia com águas calmas e infraestrutura, eu não achei nada demais nessa região e não escolheria me hospedar lá! Outra região tranquila, são as praias do norte, todas muito bonitas e bem calmas, porém, caso fique lá, ficará bem afastado das demais regiões da ilha.

Booking.com

+Pesquise um hotel com desconto de 50% em Ornos

Se você busca ir a qualquer momento para festas e baladas, a região das praias do sul, como Paradise e Super Paradise, é a sua melhor escolha, definitivamente são os lugares mais agitados da ilha.

Já a região de Platis Gialos é a região mais chique da ilha, repleta de casarões e resorts. Também gostei muito dessa região e de lá é possível ir a pé ou de barco para outras praias como Psarou e Paraga.

Lembrando que para se locomover em Mykonos é essencial alugar um carro ou um quadriciclo. A maioria das pessoas prefere o quadriciclo, até pelo clima de aventura e diversão que a ilha proporciona. Nós preferimos alugar um carro mesmo, pois na época que fomos, em maio, ficava friozinho à noite e o vento era gelado.

Como a gente só voltava para o hotel depois do pôr do sol, ainda molhados de um dia todo de praia, achei o carro mais confortável. Nós alugamos assim que chegamos lá, direto com o hotel, lembrando que no auge da alta temporada é melhor alugar com antecedência.

O que fazer em Mykonos

Por conta do atraso em nosso voo, chegamos à ilha por volta das 15h, mas como o sol se põe tarde, conseguimos aproveitar bastante esse primeiro dia. Assim que chegamos, pegamos o carro e fomos conhecer algumas praias do norte da ilha. A primeira parada foi a Praia Panormos. A praia estava do jeito que eu gosto, vazia, praticamente só pra gente e ficamos um bom tempo ali aproveitando o sol. Estávamos doidos pra descobrir tudo o que fazer em Mykonos.

Dia 01

Praia de Panormos
Praia de Panormos

Saindo de lá, dirigimos até a Praia Agios Sostis, onde paramos para comer na famosa Kiki´s Taverna. Essa simples e aconchegante taverna está localizada um pouco acima da praia de Agios Sostis e por isso, da varanda do restaurante tem uma linda vista para o mar.

Assim que chegamos lá, a fila para conseguir mesa estava grande e tinha um inconveniente, tinha que esperar na fila, pois não tinha uma lista ou um número, tinha que ficar ali, um atrás do outro. Enquanto esperava minha vez pra entrar fui dar um mergulho no mar e ainda fui chamada atenção pelo garçom que foi lá embaixo me chamar, dizendo que não podia sair da fila.

Esse restaurante é muito bem recomendado em vários blogs da internet, mas eu sinceramente não achei nada demais, na verdade achei meu prato ruim. Quando chegamos tinha acabado o peixe e só tinha uma opção de frango ou porco. Eu pedi o frango e o Alexandre pediu o porco e eu não gostei de nenhum dos dois, comemos tanta coisa boa na Grécia que não tem como indicar esse restaurante como imperdível. Se fora da alta temporada tivemos que esperar mais de 2 horas na fila e quando entramos tinha praticamente acabado tudo, imagina na alta temporada. A única coisa que valeu a pena ali foi a vista, que era linda.

Praia de Agios Sostis vista da Kiki Taverna
Praia de Agios Sostis vista da Kiki Taverna

Saindo de lá, deixamos o carro no hotel e fomos caminhando para a região dos Moinhos (Kato Myli), para esperar pelo pôr do sol. Os moinhos são o cartão postal mais conhecido de Mykonos. Estão voltados para a região de Little Venice e como estão no alto de uma pequena colina, apresentam uma linda vista panorâmica de Chora e do mar. O anoitecer nessa região é lindo e imperdível!

Pôr do sol nos Moinhos
Pôr do sol nos Moinhos

À noite o que não falta em Mykonos é diversão, passamos por vários bares com festa e música, mas como sou muito mais do dia que da noite, apenas saímos para jantar. Fomos num restaurante indicado por uma amiga, que tinha ido a Mykonos recentemente e classificou esse restaurante como o melhor da viagem dela: o Ling Ling.

Um restaurante asiático, com um ambiente moderno e super descontraído e com preços muito salgados. Mais uma vez, não gostei da comida. Era cara pra caramba e nada demais, não sei se estou sendo muito do contra, mas não indicaria esse restaurante também, não demos sorte com comida no nosso primeiro dia em Mykonos.

Dia 02

No nosso segundo dia na ilha, acordamos cedo e fomos conhecer as praias do sul da ilha. Começamos pela Praia de Platis Gialos. Uma praia movimentada, com um astral animado, onde é possível praticar esportes aquáticos como aluguel de SUP, caiaques, Jetski e passeios de banana boat. Ficamos um bom tempo ali e resolvemos alugar um jetski para andar pelas águas paradisíacas de Mykonos. O passeio durava apenas meia hora, mas valeu muito a pena.

Passeio de Jetski pelas águas de Platis Gialos
Passeio de Jetski pelas águas de Platis Gialos

Em seguida fomos andando até a praia de Psarou (as duas são bem próximas e decidimos ir andando, pois o estacionamento nessa região era um pouco complicado, estava tudo muito lotado e estávamos de carro e não quadriciclo, o que dificultava mais ainda o estacionamento, mas me arrependi de ter ido a pé, era uma boa descida até lá e depois tivemos que subir tudo de novo na volta). Eu amei a praia de Psarou, estava meio cheia, mas a água era maravilhosa, calminha, cristalina e não estava tão gelada.

Praia de Psarou com o Beach Club Nammos a direita
Praia de Psarou com o Beach Club Nammos a direita

Em Mykonos é muito comum as praias terem um beach club, com estrutura de barracas e cadeiras, onde você para um valor fixo e pode utilizar as cadeiras pelo dia todo. Na praia de Psarou, tem o famoso Beach Club Nammos. Nós fomos perguntar qual seria o valor do aluguel das cadeiras, quando tive a inacreditável resposta de que seria €90,00 nas cadeiras da primeira fileira (com vista privilegiada para o mar) ou €70,00 das demais fileiras mais atrás.

Ainda tentei barganhar, dizendo que iria comer no Restaurante do Nammos, mas independente do consumo, teria que pagar esse valor. Nessa hora bateu saudade de Kefalonia, onde as praias eram vazias e quando tinham cadeiras eram de graça! Me recusei a pagar esse valor para sentar numa cadeira e fomos de canga mesmo, o que não prejudicou em nada o passeio.

Como planejado, almoçamos ali no Restaurante Nammos e apesar de ter sido também um pouco caro (não adianta, em Mykonos e em Santorini os preços são bem mais salgados), foi a melhor refeição que fizemos na ilha. Se estiver de passagem por Mykonos, não deixe de comer no Nammos.

Nós pedimos de prato principal um risoto trufado de legumes, que estava maravilhoso, mas o ponto alto da refeição foi a sobremesa. Anotem esse nome: Pavlova. Era uma esfera com uma casquinha de chocolate, coberta por coco ralado, recheada por um creme de gosto inexplicavelmente maravilhoso! Nós pedimos uma para dividir e depois acabamos repetindo, de tão gostosa que era! Não deixe de provar, você vai se lembrar de mim nesse momento.

A melhor sobremesa da vida, ponto alto da viagem à Mykonos!
A melhor sobremesa da vida, ponto alto da viagem à Mykonos!

Saindo de lá, pegamos o carro e fomos conhecer as praias mais badaladas de Mykonos, a Paradise e Super Paradise Beach. Paramos primeiro na Paradise, estava tendo um happy hour, com muita música, bebida e diversão. A praia estava lotada de jovens, todos muito animados e ficamos um tempo ali assistindo as danças, até que num belo momento começou a tocar funk, o que foi rapidamente explicado quando o “animador” da festa se apresentou como sendo carioca! Estamos espalhados pelo mundo todo!

A praia estava lotada e até na areia estava difícil arrumar um lugar, pois tinham muitos grupos jogando partidas de altinha e toda hora voava uma bola em cima da gente, então, ficamos muito pouco tempo por ali e partimos para a Super Paradise. Lá também estava rolando um happy hour, dentro do beach club e para sentar as espreguiçadeiras era o mesmo esquema, tinha que pagar um valor único.

Novamente fomos de canga na areia mesmo e ficamos uma hora por ali. As duas praias me lembraram as praias de Porto Seguro, na Bahia, onde a música e a diversão rolam soltas. Apesar de serem duas praias lindas, não foram as minhas prediletas, mas acho que tudo depende do contexto da sua viagem!

Em seguida fomos até a Elia Beach, que foi sem dúvida uma excelente opção. A praia tem uma grande extensão de areia, estava bem mais vazia que suas vizinhas (já deu pra ver que gosto de praias vazias né?) e ficamos um bom tempo ali! As praias de Mykonos são todas bem parecidas, cada uma com seu beach club, águas calmas e cristalinas tipo piscina, perfeitas para todas as idades.

Elia Beach só pra gente!
Elia Beach só pra gente!

Quando saímos da Elia, passamos de carro pelas praias de Orno e Agios Ioannis, mas nem paramos, não achei nada demais nessas praias e achei melhor seguir até o nosso hotel para ver o pôr do sol de lá.

Da nossa varanda tínhamos uma visão privilegiada para o melhor espetáculo do dia, mas acabei descendo para a praia próxima ao hotel, a Megali Ammos, que por ser desconhecida e bem pequena, estava também vazia e tivemos o pôr do sol só pra gente! Esse foi o último pôr do sol da viagem e fechamos com chave de ouro!

Esse pôr do sol da Grécia vai deixar saudades, esse da Megali Ammos Beach foi um dos melhores da viagem
Esse pôr do sol da Grécia vai deixar saudades, esse da Megali Ammos Beach foi um dos melhores da viagem

Depois ainda fomos dar mais uma volta pela região dos moinhos, para as últimas fotos do anoitecer por lá.

Anoitecer nos moinhos
Anoitecer nos moinhos

Dia 03

Ficamos apenas duas noites em Mykonos, sendo apenas um dia inteiro, pois nesse último dia íamos embora logo depois do almoço. Então, acordamos bem cedo, demos um último mergulho no mar em frente ao hotel e ficamos um pouco curtindo a piscina do nosso hotel.

Depois que fizemos check out, guardamos as malas na recepção e fomos caminhar pelo centro de Chora. Vale a pena se perder pelas ruas de Chora, dominada pela arquitetura tradicional das ilhas gregas, com casinhas brancas e portas e janelas azuis e muitas, mas muitas flores, impossível não se apaixonar.

Passamos também pela famosa Igreja Panagia Paraportiani, uma igrejinha branca, linda, que fica ainda mais fotogênica com o contraste daquele céu azul lindo e gaivotas voando ao redor. Até nos últimos minutos de viagem eu consegui me emocionar nesse país, a Grécia definitivamente me deixou com muitas saudades.

Igreja Panagia Paraportiani, linda, num dia lindo!
Igreja Panagia Paraportiani, linda, num dia lindo!

Passamos pela região do porto de Mykonos, de onde saem vários passeios, inclusive para a ilha de Delos, outro passeio que vale a pena para quem está de passagem na ilha, mas que infelizmente não tivemos tempo de fazer.

Terminamos nosso passeio almoçando na região de Little Venice, uma das regiões mais charmosas de Chora, formadas por um conjunto de casas construídas no século XVI, “literalmente” penduradas sobre o mar. É um dos locais mais procurados durante o pôr do sol, com uma visão privilegiada dos moinhos e do mar. Caso queira ver o pôr do sol em um de seus restaurantes, é bom chegar cedo ou fazer reserva.

As charmosas ruas de Chora
As charmosas ruas de Chora

E assim terminou nosso passeio a Mykonos. Pegamos um voo para Atenas, onde dormimos mais uma noite e voltamos ao Brasil. Agora que vocês já sabem o que fazer em Mykonos, leiam também todo o nosso roteiro de viagem na Grécia e participem deixando seus comentários. Vamos adorar responder.

Roteiro da Grécia – Índice de Posts

Guia Completo da Grécia – todas as matérias em um só lugar

Planejamento de viagem a Grécia – Como organizar seu roteiro

Roteiro da Grécia – O que fazer em Atenas

Guia da Kefalonia, uma ilha jônica especial na Grécia

Zakynthos e a icônica Navagio Beach na Grécia

Santorini: guia de praias e o mais lindo pôr do sol da Grécia

Roteiro das praias mais lindas de Milos, na Grécia

O que fazer na badalada Mykonos (praias e festas)

Curiosidades e Fatos Históricos da Grécia Antiga

Essa dica foi útil para você? Por favor, então deixe um comentário e compartilhe também nas suas redes sociais. Este site é feito com muita dedicação e seu apoio/participação realmente nos ajudará a mantê-lo no ar.



TOP 6 DICAS PARA ECONOMIZAR NAS VIAGENS

  • SEGURO VIAGEM - Não faça a besteira de viajar sem um Seguro de Viagem. Na Europa é obrigatório! Faça uma cotação online para ver o quanto é barato viajar tranquilo. Pague no cartão de crédito em até 12x ou com desconto no boleto bancário. Use nosso cupom: VIAGENS5 para um desconto extra de 5%.
  • HOSPEDAGEM - Somos parceiros do Booking.com que garante os melhores preços de hospedagem em qualquer lugar no mundo! Você reserva antecipado, pode cancelar e alterar quando quiser. Faça a sua reserva através do nosso link.
  • CHIP DE CELULAR - Já saia do Brasil com seu Chip Internacional 4G funcionando. Tenha conexão em mais de 140 países para usar o Whatsapp, redes sociais e GPS. Já usamos o chip da EasySIM4u em diversos países e aprovamos.
  • GANHE 179 REAIS! - O Airbnb é a melhor maneira de alugar casas e apartamentos em locais únicos, com preços para todos os bolsos. Ganhe R$179 de desconto na sua primeira reserva acima de R$250. Aproveite!
  • ALUGUEL DE CARRO - Faça aqui sua cotação online entre as melhores locadoras no Brasil e no mundo. A RentCars é nossa parceira e oferece os melhores preços, em reais e sem IOF, com total segurança.
  • NOSSAS EXPEDIÇÕES - Participe das viagens que estamos organizando com nossos leitores! São roteiros exclusivos com o melhor dos destinos e hospedagens selecionadas. Junte-se aos nossos grupos VIPs e vamos viajar juntos.

LEIA TAMBÉM



Denunciar

Curtiu essa matéria?

Escrito por Mariana Macedo

Mariana Macedo é dentista, carioca, uma pessoa alto astral, de bem com a vida, que ama estar com os amigos. Apaixonada por fotografia, pôr do sol, mar, natureza, trilhas e novas experiências, não pensa duas vezes quando o assunto é viajar. Seu lema é aproveitar ao máximo cada momento! Siga no Instagram @mariandrademacedo

Comentários

Deixe um comentário
  1. Olá Mariana!
    Estou organizando minha viagem pra Grécia e achei super importante tua sinceridade ao mencionar os lugares que não curtiu, em vez de dizer que tudo é “imperdível”, “maravilhoso”(adjetivos muito comuns nos blogs de viagem). Afinal de contas, as melhores dicas são justamente essas, as que indicam o que é legal e o que não é tanto assim. Parabéns!
    Por mais “trilhaseaventuras” pelo mundo!!!!

    • Oi Zeni!!
      Que bom que vai pra Grécia, vai amar! Até hoje suspiro dr saudades desse país!! Precisando de alguma ajuda é só falar!! Com certeza contar o que não foi bom faz toda diferença, sempre faço questão disso, pois já fui em muito lugar “imperdível” por ai que chegando lá achei nada demais!! Conte comigo!! Boa viagem ao paraíso!! 😉

  2. Boa noite Mariana, parabéns pelo blog! Muito legal suas dicas. Eu e minha esposa (dentista também…rs) estamos planejando fazer uma viagem para Grécia, e estamos com muitas dúvidas. Temos cerca de 15 dias e não sabemos como dividir entre Mykonos, Santorini e Atenas. Gostamos muito de beber vinho, praia e baladas ao por do sol. Como sugere os dias em cada lugar? Acha legal adicionar outro? Outra questão é sobre os gastos com restaurantes de lá. Não fazemos muita questão de gastronomia fina, e gostamos de economizar nesse ponto. Existem restaurantes mais simples por lá ou tudo é muito caro mesmo? Quanto pagou na diária do carro? E última questão: como é o clima em março por lá?
    Muito obrigado pela ajuda e continue postando suas viagens!!

    • Oi Ricardo!!! Que bom que vão pra Grécia!! 15 dias é mais que suficiente pra conhecer Atenas e essas duas ilhas! Acho que da pra vocês incluirem Ios ou Milos no roteiro, mas se não quiserem pra não ficar mais corrido, acho que 3 dias em Atenas, 5 em Santorini e 6 em Mykonos seria legal! Sugeri mais dias em mykonos pois vc disse que gosta de baladas ao por do sol, lá é a ilha pra isso!!!
      Quanto aos restaurantes, sou dessa mesma filosofia, odeio gastar com comida, so em Santorini que fiz questão de ir a restaurantes legais pq o clima da ilha pede, hehehe! Maa fica tranquilo porque de maneira geral é bem barato comer na Grécia! Santorini e Mykonos são as duas ilhas mais caras mas mesmo assim da pra encontrar opções em conta!!
      Quanto ao aluguel do carro, depende muito da ilha o valor! Mas em Santorini por exemplo eu fiquei sem carro e não vejo necessidade de alugar carro la!! Mykonos ja precisa, mas nao lembro mesmo o valor!
      Em março ainda é frio por la, acho que nao é uma boa época pra curtir praia em si pois as aguas são geladas demais hehehe, mas da pra curtir todo o resto! A melhor época é de maio a setembro!
      Qualquer coisa pode me perguntar que será um prazer ajudar!!! A Grécia é um sonho, aproveitem!!!!

  3. Olá Mariana
    Estou indo á Grécia em Setembro e deparei-me com seu blog super detalhado e completo, que esta norteado no meu planejamento.
    O que exatamente você faria de diferente em relação a ordem do roteiro? Você acha que eu poderia fazer um roteiro semelhante com 16 dias tirando alguns dias de Mykonos e Milos ou Atenas ? Onde você devolveu o carro em Kefalonia? Desculpa a quantidade de perguntas.
    Muito obrigada por compartilhar informações tão preciosas com outras pessoas.
    Mônica

    • Oi Monica!!! Tudo bem? Que bom saber que minhas dicas estão ajudando!!! A viagem pra Grécia da um trabalho pra planejar, a gente fica meio perdida ne? Mas vale a pena!! Olha eu não gosto de viagens muuuito corridas, gosto de curtir cada lugar com calma. Você pretende visitar aw mesmas ilhas que eu? Por que vc não tira então uma ilha ao invés de diminuir os dias em cada uma delas? A Grécia é um país pra se voltar mil vezes rsrs aí numa próxima visita vc conhece a que ficou de fora!! Mas se vc não quiser tirar nenhuma acho que dá pra ficar 3 dias em cada ilha!! Com isso completa seus 16 dias! Em Kefalonia eu devolvi o carro no aeroporto e depois nessa ultima noite me hospedei num hotel em frente ao aeroporto e no dia seguinte o dono do hotel, que era um senhorzinho fofo demais, nos levou ao porto onde pegamos o ferry pra Zakynthos!
      Acho que respondi tudo!! Espero que tenha ajudado e qualquer coisa mais é só falar!! Beijos e boa viagem 😉

  4. Mariana, boa noite!
    Organizar uma viagem pra Grécia realmente não é fácil, ainda mais que sou uma viajante novata! hehe
    Vi que vocês fizeram um passeio de Jetski em Mykonos, vocês já tinham experiência em pilotar? É simples conseguir fazer esse passeio lá? O preço era tranquilo?
    Sobre a questão de transporte, você acha interessante alugar um carro mesmo? Pq ? O transporte publico não ajuda muito para se locomover lá?
    Obrigadão

    • Oi Amanda!! Sim, dá um trabalho mesmo mas vale a pena, Grécia nunca decepciona!!!
      Olha eu já tinha andado de jetsky mas só de carona e meu marido nunca tinha andado nem de carona e foi ele que pilotou lá! Foi super tranquilo, a água é bem calminha e eles regulam o jetsky dr maneira que a velocidade não fica muito alta e o passeio fica muito seguro! Porém não foi muito baratinho não!!! Mas eu tenho um lema viajando qur é o seguinte: quem converte não se diverte!!! Hehehe então de vez em quando a gente merece esses passeios viajando!!! 🙂
      Quanto ao carro, achei que Mykonos pede sim um aluguel de carro, as praias são distantes e não achei o transporte público por lá tão acessível quanto em Santorini por exemplo e fora isso tem muuuuita praia pra ir parando, o que facilita quando eatamos com nosso próprio carro, você conhece mais coisa!!!
      Qualquer outra dúvida é só falar!!! Beijão

  5. Olá mariana,
    Você lembra quanto custou esse passeio de jet de meia hora?! Existe alguma empresa específica para alugar la ou é fácil de encontrar?!
    Onde deixamos nossas coisas durante o passeio?!
    Obrigaaada!!!

  6. Oi Rafaela!

    É super fácil encontrar lá na hora. Ficam umas barraquinhas na praia oferecendo e eu aluguei em uma dessas!!! O passeio custou €50 por meia hora!!! Qualquer coisa é só perguntar!!! 😊

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0
Águas cristalinas de Kleftiko

Roteiro da Grécia – O que fazer em Milos

Como chegar em Choquequirao no Peru

Choquequirao: como chegar nas ruínas incas no Peru