in

Trilhas e cachoeiras em Gonçalves – MG

Gonçalves desfruta toda a atmosfera das montanhas, conservando suas características naturais e culturais. Dona de uma exuberante paisagem natural, com florestas de araucárias, belíssimas cachoeiras, penhascos de proporções gigantescas e inúmeros cursos d’água, essa cidade vai te conquistar e propiciar muita interação com a natureza, fazendo trilhas ou mesmo deliciando-se com um bom banho de cachoeira.

Trilhas em Gonçalves

Moinho do Seu Dito Ferreira – É uma caminhada ecológica leve, com saída do centro de Gonçalves. A partir de lá percorre-se uma distância de 5 km até chegar na trilha. A trilha é feita em aproximadamente 1,5h percorrendo 6 km, totalizando 12 km de ida e volta. Este passeio leva até o moinho do Seu Dito, nos colocando em contato com gente da terra que ainda preserva hábitos e técnicas antigas de produção do fubá e quirera. Aprecie também uma boa prosa e o cafezinho com bolo de fubá na simpática companhia de Seu Dito e sua filha Belinha.

Trilha da Pedra do Forno – É uma trilha bem conhecida dos habitantes da região, feita em mata fechada, passando por nascentes e um lindo bosque de araucárias. Partindo do centro da cidade percorre-se 12 km até chegar à trilha de 2 km de distância totalizando 4 km (ida e volta). Em 1h chega-se ao topo da montanha, onde se encontra a chamada Pedra do Forno, que mede 1930 m de altura. De lá se tem uma visão de 360º de toda a região de Gonçalves, Campos do Jordão e Campos. Ainda é possível ver a pedra do Baú e a região da Fernão Dias (Paraisópolis, Pouso Alegre e São Bento de Sapucaí). Leve água e frutas para o lanche, mas se preferir provar o tempero da comida mineira depois da trilha, você pode fazer uma parada no restaurante do “Zé Ovídeo e da Glória”, considerado um dos melhores pelos moradores da região.

Trilha da Pedra Chanfrada – É uma trilha com um visual bem legal, em mata fechada e de grau leve. A Pedra Chanfrada, que é uma das principais atrações da trilha, mede 1650 m de altura e possui tons meio alaranjados e acinzentados se tornando um grande destaque. De lá é possível ver toda a região do bairro de Terra Fria de Gonçalves além de ver a Pedra do Forno logo à frente. Saindo do centro de Gonçalves percorre-se 12 km até chegar à trilha, que possui 3 km de caminhada no total (ida e volta). Em 40 min chega-se até a Pedra Chanfrada. Leve água e lanche, mas se preferir uma boa pedida é fazer a trilha pela manhã e na volta abastecer o estômago no restaurante “Ao Pé da Pedra” que, como o próprio nome diz, fica pertinho da Pedra Chanfrada.

Pico do São Domingos – A trilha que leva até o Pico do São Domingos é feita em uma mata fechada, passando por áreas de pastagem, um belíssimo bosque e um lindo campo de flores. Percorre-se 12 km do centro da cidade até chegar à trilha que possui 7 km de distância (ida e volta) e totaliza 3h de caminhada. Do morro tem-se a visão de 360º de todo o lugar e pode-se vislumbrar a paisagem estonteante que pega toda a região de Gonçalves, a Pedra Bonita (que é o pico mais alto da região medindo 2075 m de altura), a região de Campos e de Campos do Jordão, a Pedra do Baú, a região de São Bento de Sapucaí, Paraisópolis, a cidade de Cambuí, Córrego do Bom Jesus e Monte Verde (que é município de Camanducaia), além de toda a região da Fernão Dias.

Trilha do Campestre – Esta trilha é feita num total de 6h e contorna a montanha do Campestre, tendo saída e chegada no mesmo ponto. Todo o caminho é cercado pela vegetação nativa, muitas araucárias e um bosque de samambaiassú. Chegando no topo da montanha, de 1900 m, o visitante tem a privilegiada vista da Pedra do Baú e Pedra do Campestre. Por se tratar de uma subida, é aconselhável que a pessoa tenha um pouco de preparo físico e que leve lanche, água e energéticos.

Trilha Indiana Jones – A trilha começa saindo do Bairro dos Onças e o caminho todo é feito contornando um riacho, em meio a araucárias, bromélias e animais silvestres. Em seguida passa-se por uma região de grutas repleta de morcegos. Logo depois, duas cachoeiras, uma de 8 m e outra de 10 m, onde pode-se praticar o canyoning. Este passeio é recomendado para turistas experientes e com bom preparo físico. A caminhada dura 4h no total, por isto é aconselhável levar água, lanche e algum energético como chocolate, por exemplo.

Pedra Bonita – Pico a 2120 metros de altitude. Visão de 360º sem obstáculos, incluindo o Vale do Paraíba. Acesso por trilha. É o ponto mais alto da região. Uma caminhada ao pico da Pedra Bonita equivale a uma fantástica aula de geografia sobre a Mantiqueira. Saindo de um vale a 1650 metros de altitude, atravessam-se campos, riachos, bosques e florestas em diversos estágios de desenvolvimento. No topo, grandes blocos de rochas formando platôs, lâminas e escarpas cobertas de bromélias e musgos, a paisagem é estonteante, avistando parte do sul de Minas, Vale do Paraíba e Serra do Mar. Chega-se ao cume por trilhas pela mata, sendo imprescindível o acompanhamento de guias.

Pedra do Cruzeiro ou Atrás da Pedra – Maciço rochoso que emerge isolado no vale do Lambari. Assume formas variadas conforme o ângulo de visão. O topo está a 1152 metros de altitude onde há uma pequena capela e uma cruz. Em uma das faces há uma fenda que leva a uma gruta, de difícl acesso. Nos meses de frio cenário torna-se onírico, a pedra transforma-se numa ilha em meio a um imenso mar de nuvens.

Mirante do Cruzeiro – No topo de um morro de conformação suave, coberto de pastagens e fileiras de araucárias está o Mirante do cruzeiro. Está a 1488 metros de latitude e é o local ideal para se avistar a totalidade da cidade, o bairro do Cantagalo e ao longe toda a região de Pouso Alegre e as serras de Paraisópolis, Brasópolis e São Bento do Sapucaí.

Serra da Balança – É uma sucessão de picos formando estreitos platôs, como um muro ascendente em forma de ferradura que culmina com o Alto do Campestre. As altitudes vão de 1300 a 1750 metros de altitude, alguns têm paredões verticais de mais de 100 metros voltados para o Vale de Sapucaí. A visão é sempre espetacular, podendo-se observar a Pedra do Baú, serras de Brasópolis (com tempo claro observa-se inclusive o observatório astronômico de Itajubá).

Cachoeiras em Gonçalves

Cachoeira da Fazendinha – É uma trilha leve com subidas e descidas intercaladas. Saindo do centro de Gonçalves percorre-se 5 km até chegar à trilha que é cercada pela bela vegetação típica, repleta de samambaiaçú, uma espécie enorme de samambaia do período pré-histórico, além de araucárias e vários outros tipos de árvores e plantas. O tempo total da caminhada é de 2h e a principal atração são as belas quedas da cachoeira da Fazendinha de aproximadamente 100 metros. Ela possui um pequeno lago raso a frente onde pode-se nadar por isto é aconselhável levar roupa de banho, além de água, protetor solar e lanche.

Cachoeira da Neca – É uma trilha com grau de dificuldade leve, caminhando 3 km no total (ida e volta). Partindo do centro de Gonçalves percorre-se 9 km até chegar à trilha, dentro de mata bem fechada e com trechos em subida, outros em descida e outros em linha reta. Caminha-se aproximadamente 1h até chegar na cachoeira que possui três quedas totalizando 250 m contando com um córrego de pequeno porte. Leve roupa de banho, protetor solar, água e lanche.

Cachoeira da Neca (Aquatrekking) – Esta é uma variação da trilha que leva até as três quedas da Cachoeira da Neca. No aquatrekking ao invés de seguir pela trilha tradicional caminha-se por dentro de um rio de corredeira de pequeno porte e água cristalina, que fica bem ao lado da trilha. Leva-se aproximadamente 1,5h para ir e o mesmo tempo para voltar, totalizando 3 h de pura aventura. Vale muito a pena ser feita no verão, quando a água não está tão fria e a temperatura é mais apropriada. Não se esqueça da roupa de banho e protetor solar. Água e lanche são opcionais.

Cachoeira do Retiro – A caminhada para esta cachoeira é uma das mais leves e de fácil acesso, talvez por isto seja uma das mais visitadas pelo público em geral. Saindo do centro de Gonçalves percorre-se 2,5 km até chegar à trilha que possui 1,4 km no total e consiste em um caminho estreito, porém de mata aberta de onde se vê as montanhas ao redor. Em 15 minutos avista-se a enorme cachoeira de 400 m. O visual é magnífico e impressionante. A área em que ela se encontra é bem espaçosa e pode-se mergulhar em um lago formado por uma de suas quedas, porém sempre tomando muito cuidado, pois existe forte correnteza. Leve roupa de banho, protetor solar e água.

Cachoeira do Simão – Bem próxima à Cachoeira do Retiro, praticamente não existe trilha para chegar até ela e sim uma estrada de terra, da largura de um carro aproximadamente, por onde se desce 100 metros e em 3 minutos chega-se até ela. Também é uma das cachoeiras mais visitadas pelo grande público. Possui um grande lago a frente das quedas onde é possível mergulhar com tranqüilidade e pedras ao seu redor para se sentar, deitar ou fazer um lanche. A distância do centro de Gonçalves até a trilha é de 4 km. Aconselha-se levar roupa de banho e protetor solar.

Cachoeira das Andorinhas – Está a 2 km de Gonçalves, saindo da cidade pela estrada que liga ao bairro dos Martins, siga até o final da fileira de araucárias ao longo da estrada; entra-se à direita pelo pasto até o fundo do vale, numa abertura da mata ciliar. Não existe trilha demarcada. Utilize um guia para levá-lo.

Cachoeira do Cruzeiro – A 3 km de Gonçalves, estrada que interliga ao distrito dos Costas por 1,5 km até a bifurcação para o sertão do Cantagalo. Nesse ponto, segue-se à esquerda, em direção ao Cantagalo por mais 700 metros.

Booking.com
Essa dica foi útil para você? Por favor, então deixe um comentário e compartilhe também nas suas redes sociais. Este site é feito com muita dedicação e seu apoio/participação realmente nos ajudará a mantê-lo no ar.



TOP 6 DICAS PARA ECONOMIZAR NAS VIAGENS

  • SEGURO VIAGEM - Não faça a besteira de viajar sem um Seguro de Viagem. Na Europa é obrigatório! Faça uma cotação online para ver o quanto é barato viajar tranquilo. Pague no cartão de crédito em até 12x ou com desconto no boleto bancário. Use nosso cupom: VIAGENS5 para um desconto extra de 5%.
  • HOSPEDAGEM - Somos parceiros do Booking.com que garante os melhores preços de hospedagem em qualquer lugar no mundo! Você reserva antecipado, pode cancelar e alterar quando quiser. Faça a sua reserva através do nosso link.
  • CHIP DE CELULAR - Já saia do Brasil com seu Chip Internacional 4G funcionando. Tenha conexão em mais de 140 países para usar o Whatsapp, redes sociais e GPS. Já usamos o chip da EasySIM4u em diversos países e aprovamos.
  • GANHE 179 REAIS! - O Airbnb é a melhor maneira de alugar casas e apartamentos em locais únicos, com preços para todos os bolsos. Ganhe R$179 de desconto na sua primeira reserva acima de R$250. Aproveite!
  • ALUGUEL DE CARRO - Faça aqui sua cotação online entre as melhores locadoras no Brasil e no mundo. A RentCars é nossa parceira e oferece os melhores preços, em reais e sem IOF, com total segurança.
  • NOSSAS EXPEDIÇÕES - Participe das viagens que estamos organizando com nossos leitores! São roteiros exclusivos com o melhor dos destinos e hospedagens selecionadas. Junte-se aos nossos grupos VIPs e vamos viajar juntos.

LEIA TAMBÉM



Denunciar

Curtiu essa matéria?

Escrito por Mauricio Oliveira

Maurício Oliveira é social media expert, fotógrafo, videomaker, consultor de turismo, blogueiro, influenciador e empreendedor. CEO do Trilhas e Aventuras, conta suas experiências de viagens no blog Viagens Possíveis e criador de inovadoras ações de marketing de turismo, o BlogTur e o VIPBloggers. Ama o que faz no seu trabalho e nas horas vagas também gosta de viajar. Siga no Instagram e no Twitter, curta no Facebook, assista no Youtube e circule Mauricio Oliveira e Trilhas e Aventuras no Google Plus.

Comentários

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

O que fazer em Gonçalves – MG

Saiba mais sobre Ibitipoca – MG