in

O que fazer em Bonito – MS

As atividades em Bonito são diversificadas e atendem a todo tipo de público, tanto aos adeptos de aventura quanto aqueles que preferem a visitação contemplativa. São tantas, que pra aproveitar um pouco de tudo, é bom fazer um planejamento. Quem optar por fazer rapel e mergulho no abismo Anhumas, por exemplo, deve reservar um dia inteiro para a aventura. Já a visita à Gruta do Lago Azul pode ser feita antes ou depois da imperdível flutuação, praticada em algum dos rios cristalinos e apinhados de peixes da região. E tem ainda arvorismo, passeio de bote, caminhadas nas estâncias repletas de cachoeiras com direito a almoço típico de fazenda… haja espaço na agenda!

ARVORISMO

Consiste num percurso completo de 300 metros de extensão com altura variando de 4,0 a 15,0 metros do solo. Ao todo são 18 estações diferentes com dificuldades gradativas, além de duas tirolesas, uma de 55 metros e outra de 60 metros. O percurso finaliza em uma tirolesa aquática no Rio Formoso. Antes do início do passeio haverá um breve treinamento para familiarizar o cliente com os equipamentos e com o percurso.

A duração do passeio é de 1:30h a 2:00 horas. O passeio é indicado para crianças a partir de seis anos e adultos que tenham boas condições físicas e peso máximo de 120kg.

Site: www.hotelcabanas.com.br

BALNEÁRIOS

Balneário Municipal Rio Formoso

As águas cristalinas do Rio Formoso permitem uma visão nítida de peixes de cores e tamanhos variados. Dispõe de sanitários, quadra de vôlei de areia, lanchonetes e sorveteria. Observação: Não é necessário acompanhamento de guia de turismo local.

O Balneário Municipal foi uma espécie de camping (hoje não é mais possível acampar no local) onde você encontra churrasqueiras, lanchonetes, quadras de esportes, e grande área verde para desfrutar da natureza. Nos fins de semana e feriados, o lugar fica bastante cheio devido a entrada ser gratuita para moradores da região. E é um dos lugares mais baratos de Bonito para turistas. Não existem grandes atrações como tirolesas, cachoeiras, etc. Apenas um rio com águas cristalinas para banho, o que não é nada mal né?

Balneário do Sol

A natureza por inteira bonita. Um balneário localizado às margens do Rio Formoso. Um lugar mágico, em perfeito contato com a natureza. Um convívio perpetuado através de formas e espaços encantados.

O Balneário do Sol oferece a possibilidade de nadar nas piscinas ou no próprio rio em companhia de piraputangas, curimbas, dourados e lindas cachoeiras fazendo parte do cenário.

Possui carretilhas, trampolim, lanchonete, restaurante, quiosques para churrasco, redário, quadras de vôlei e futebol de areia.

Site: www.balneariodosol.tur.br

Praia da Figueira

Conheça a praia de Bonito com água doce e transparente, peixes, areia branca, bar molhado, carretilha de 30 metros, pula-pula, Discovery no naufrágio duplo (avião e barco), flutuação, scotter, caiaques, biribol, vôlei de areia, frescobool… Tudo acompanhado de muito sol e calor.

No bar da Figueira deliciosos petiscos para saborear a beira da areia e no Restaurante da Praia será servido um carápio com o melhor da culinária regional debaixo da figueira. E depois de um dia de muita diversão você ainda poderá tirar aquele cochilo no redário.

Site: www.praiadafigueira.com.br

bonito-ms-4

BIKE COM O LOBO GUARÁ

O passeio tem início na Central da Lobo Guará onde o turista recebe as informações gerais sobre o percurso e os equipamentos de segurança (luvas e capacete) para realização do passeio. Em seguida, os turistas acompanhados por um guia de turismo ou monitor começam o percurso em direção ao Parque Ecológico Rio Formoso, com direito a ouvir histórias da região e a tirar fotos.

O percurso até o Parque Ecológico possui cerca de 6 km, sendo realizado pela ciclovia da Rodovia MS 382, Bonito/Guia Lopes da Laguna. Chegando ao Parque, o turista seguirá diretamente à recepção para utilização de banheiros, como também compra de água ou comida. Logo após, os turistas serão convidados a participar de um plantio de muda nativa na mata ciliar do rio Formoso, seguindo para a trilha do passeio.

A trilha, de 2.200 metros ao longo da mata ciliar do rio Formoso, é realizada com a bicicleta. Ao longo da trilha os turistas passarão por dois deques com parada para banho e mirantes para observação do rio, da fauna e da flora. Em alguns pontos, o turista poderá empurrar a bicicleta devido à declividade da trilha. Após a trilha na mata ciliar, o turista será guiado por uma trilha em área de cerrado, passando por duas porteiras, onde terá acesso ao asfalto, retornando à cidade. O percurso de volta também é feito pela ciclovia da rodovia MS 382. Ao todo o percurso do passeio tem em média 14 quilômetros, com duração de 4 horas.

Obs: o deslocamento entre a cidade e o atrativo leva em média 40 minutos.

O Que Levar No Passeio: Roupa de banho, toalha, máquina fotográfica (com caixa estanque, se preferir), dinheiro para consumos extras, mochila, repelente e protetor solar para o percurso, óculos de sol e água mineral. Obrigatório uso de Tênis.

Site: loboguarabikeadventure.blogspot.com

BÓIA-CROSS

Hotel Cabanas

Inicia com uma pequena caminhada em trilha suspensa até a área de embarque onde o visitante irá descer por cerca de 1000 metros de Rio Formoso em bóias individuais, num percurso de 40 minutos de água, curtindo a emoção de enfrentar três cachoeiras e duas corredeiras. Ao longo do passeio, além de sentir a aventura das quedas, o visitante terá oportunidade de contemplar o belíssimo rio Formoso com centenas de peixes e uma incrível flora subaquática.

O retorno será feito através de caminhada por trilhas suspensas na mata ciliar onde o visitante poderá observar animais silvestres. Ao final do passeio o visitante terá ainda oportunidade de poder se banhar nos rios Formoso e Formosinho e ainda fazer a trilha completa de mais 1.200 metros ao longo da mata ciliar.

Site: www.hotelcabanas.com.br

BURACO DAS ARARAS

Trilha ao redor de uma dolina com 124 metros de profundidade e 160 metros de diâmetro, que possibilita uma visão panorâmica de seu interior, onde as araras-vermelhas e outras aves retornam sempre ao final do dia. Em seu fundo se encontra um grande lago e alguns répteis. Sua fauna e flora são bem particulares.

Venha sentir a paz e a tranqüilidade que este lugar pode lhe proporcionar. Em meio ao cerrado uma enorme cratera totalmente em arenito com sua beleza e exuberância, lugar onde diversos pássaros, principalmente as “Araras Vermelhas” adotaram como habitat natural. O nome Buraco das Araras surgiu em razão do grande número de araras que habitam o local e fazem verdadeiros espetáculos. Em seu interior fauna e flora bem particulares, com seu ecossistema próprio e um grande lago habitado por jacarés da espécie papo amarelo.

O passeio é uma boa opção, antes ou depois para quem faz o passeio Rio da Prata ou quando estiver chegando ou saindo de Bonito. Localizado no Município de Jardim (BR 267) cerca de 53km de Bonito sentido Porto Murtinho e a 5 km do passeio Recanto Ecológico Rio da Prata.

Site: www.buracodasararas.tur.br

bonito-ms-5

CACHOEIRAS

Estância Mimosa

A Estância Mimosa é uma fazenda de 400 hectares que concilia criação de gado – a mais tradicional atividade econômica da região – com turismo rural e ecoturismo, dentro dos conceitos de desenvolvimento sustentável.

A proposta é mostrar aos visitantes não apenas as belezas naturais da região, como também um pouco da peculiar cultura sul-matogrossense para atingir estes propósitos. A antiga sede da fazenda foi mantida em seu estilo original, recebendo apenas algumas melhorias para possibilitar a visitação turística.

O roteiro se inicia na casa-sede da fazenda, onde é servido um lanche com doces e salgados típicos da região, caprichosamente preparados. A cozinha é cortada por uma bica de água corrente e a casa possui redário montado à sombra de um caramanchão de maracujás, uma lagoa que foi eleita por dois jacarés como morada, pomar onde podem ser colhidas diversas frutas, viveiro de mudas, horta e um pequeno oratório.

Após esta recepção caseira e aconchegante, parte-se para uma agradável caminhada pela mata ciliar do Rio Mimoso, passando por pelo menos 8 cachoeiras de tamanhos e formas variadas. Neste trajeto, existem cinco ótimos locais para banho em piscinas naturais, além de pequenas grutas e uma plataforma com 6 metros, de onde se pode saltar dentro de um poço natural. É bom ficar sempre de olhos abertos, pois existem boas chances de se observar animais silvestres (mais de 130 espécies de aves e mamíferos já foram catalogadas), além das árvores centenárias, orquídeas e bromélias que complementam o cenário.

Após o passeio é servido um delicioso almoço no fogão à lenha, com comidas típicas e doces caseiros.

Como opcional temos a cavalgada passando por morrarias, matas e invernadas com gado, podendo ainda avistar vários animais.

Site: www.estanciamimosa.com.br

Cachoeira da Boca da Onça

O paraíso ecológico Boca da Onça é conhecido pelos seus atrativos naturais, sobretudo os seus riachos de águas translúcidas, repletos de incontáveis depósitos de delicadas e belas “tufas calcárias”, que formam cachoeiras e piscinas naturais.

Ao todo, são dezenas de cachoeiras com águas transparentes porque suas nascentes estão localizadas em depósitos de calcário muito puro, com alto teor de bicarbonato. A água vai escorrendo pelo leito do riacho e quando encontra sedimentos, faz com que estes se depositem no fundo (decantação). Ao longo do tempo, reveste esses resíduos, constantemente, com uma camada de calcário.

Site: www.bocadaonca.com.br

Parque das Cachoeiras

Aventure-se pela trilha ecológica na mata ciliar do Rio Mimoso em meio à fauna e flora local. São sete belíssimas cachoeiras formadas por tufas calcárias e pequenas cavernas, lhe convidando para se refrescar em suas piscinas naturais. Os grupos têm tamanho limitado e são sempre acompanhados por um guia especializado em atrativos naturais. Depois de tanta diversão, nada melhor que retornar à sede, onde um almoço com pratos típicos e doces regionais, estará lhe aguardando no fogão à lenha.

Após um merecido descanso no redário, ainda há a um mirante onde se pode observar uma linda cachoeira. Sobrando energias aproveite a contemplação da fazenda, fazendo uma deliciosa cavalgada pelos campos, matas e morros.

Site: www.parquecachoeiras.com.br

Cachoeiras do Rio do Peixe

Cachoeiras ornamentais, inúmeras piscinas naturais, uma fauna atraente com macacos, araras, tucanos, entre outros.

Neste paraíso você pode curtir e relaxar nas duchas das cachoeiras, aventurar-se entre os cardumes de peixes das piscinas naturais e depois saborear um delicioso almoço sul-mato-grossense e no final da tarde é servido um tradicional lanche, acompanhado dos “causos” contados pelo proprietário da Fazenda.

CAMPINGS

Camping Albergue
Endereço: Rua Lúcio Borralho, 716, Bonito – MS
Fone: (67) 3255-1022
Site: www.ajbonito.com.br

Camping Barra Bonita
Endereço: Rodovia Bonito/Ilha do Padre, Km 05, Bonito – MS
Fone: (67) 3255-1266

Camping Peralta
Endereço: Rua Ari da Silva Machado, 500, Bonito – MS
Fone: (67) 3255-1901

Camping Rio Formoso
Endereço: Rod. Bonito/Guia Lopes da Laguna, km 06, Bonito – MS
Fone: (67) 9284-5994

Camping do Gordo
Endereço: Estrada Velha guia Lopes da Laguna – Bonito/MS, Bonito – MS
Fone: 67) 9997-9410 (67) 3454-2056 (67)9986-3347
Site: www.balneariodogordo.com.br

bonito-ms-9

CAVERNAS E GRUTAS

Gruta do Lago Azul

Com dimensões que a tornam uma das maiores cavidades inundadas do planeta, e em seu interior um lago cristalino de águas azuis com 90 metros de profundidade e 120 metros de largura, a Gruta do Lago Azul é um dos lugares mais incríveis de Bonito. Conta a história que a gruta foi descoberta por um índio Terena em 1924. Suas rochas calcárias tomadas por estalactites e estalagmites deixam qualquer pessoa sem palavras. Em 1992, uma expedição Franco-Brasileira de espeleo-mergulhadores, encontrou uma série de fósseis de grandes mamíferos, como o tigre de dente de sabre e a preguiça gigante, que viveram na região durante o período geológico do Pleistoceno, de 6.000 a 10.000 anos atrás.

Para chegar até lá, vence-se com facilidade e emoção os quase 300 degraus de uma escadaria rústica. O tombamento como monumento natural, feito pelo Iphan em 1978, garantiu a preservação do principal cartão-postal de Bonito, que tem o número de visitantes diário rigorosamente controlado.

Após uma descida de 100 m, depara-se com um lago de águas intensamente azuladas, cuja profundidade estima-se ser de 90 m. Com suas formações geológicas – não só o teto como o piso da gruta são repletos de espeleotemas de várias formas e tamanhos – desperta a atenção dos turistas e pesquisadores do mundo inteiro. Ninguém sabe ao certo de onde vêm suas águas, acredita-se na existência de um rio subterrâneo, que alimenta o lago.

Grutas de São Miguel

As Grutas de são Miguel possui, aproximadamente, 270 metros de extensão, distribuídos em uma área de 3.149 m2, é uma cavidade seca, formada através da dissolução de rochas calcárias do período pré-cambriano. Essas rochas datam de cerca de 650 milhões de anos atrás e pertencem ao grupo Corumbá.

Já dentro da caverna, os turistas desfrutam de uma visão incontestável. Formações calcárias só encontradas aqui transpiram os mistérios e revelam parte da história do local. Por ser uma cavidade seca o visitante tem o diferencial de caminhar ao lado das formações de espeleotemas, como: estalactites, estalagmites, travertinos, esculpidos pela natureza durante milhões de anos, além da beleza da coruja suindara e das espécies de morcegos que habitam na caverna.

Isso é a Gruta de São Miguel. Um local que por si só, transpira um pouco da história de região. Visitá-la é como fazer uma viagem inesquecível ao coração desta terra, ao passado, e rever nossos ancestrais, e assim poder conhecer um pouco mais da nossa origem e da própria história de Bonito.

FLUTUAÇÃO E MERGULHOS

Recanto Ecológico Rio da Prata

O mergulho começa na nascente do Rio Olho D’água, aonde se chega através de caminhada em trilha interpretativa pela mata ciliar, observando-se aves e outros animais silvestres.

Ao final da trilha inicia-se a flutuação, onde os visitantes flutuam tranqüilamente dentro de um imenso aquário de águas cristalinas, extremamente ricas em vida animal e vegetal. Dourados, pacus, piraputangas e curimbas desfilam por todo o percurso.

Após o passeio, é servido na sede da Fazenda, um delicioso almoço típico sul-mato-grossense (opcional). Para encerrar o dia, existe também a opção de se fazer um passeio a cavalo pela Fazenda ou simplesmente caminhar nos arredores para observar os jacarés e araras que sempre ficam por perto.

Existe ainda a opção de fazer um emocionante mergulho de trinta minutos com equipamento “scuba” no Rio da Prata, no meio de muitos peixes, num cenário espetacular.

Site: www.bonitoweb.com.br

Rio Sucuri

O passeio começa com uma agradável e leve caminhada pela mata ciliar que permite observar diversos animais e árvores. Este percurso inclui uma visita à nascente do Rio Sucuri, onde você se encantará com a surpreendente visão a partir do mirante, elevado sobre as águas cristalinas.

No final desta trilha, entra-se no barco a remo para logo após iniciar a parte aquática do passeio: uma descida de 45 minutos flutuando calmamente ao sabor da leve correnteza, observando cardumes de diversas espécies de peixes – como as piraputangas – e plantas aquáticas.

A visibilidade é de dezenas de metros, graças à composição calcária das rochas onde nasce o rio. Quem não quiser fazer o percurso mergulhando pode seguir no barco, que estará à disposição durante toda a descida, fornecendo conforto e segurança. Além da flutuação, o Rio Sucuri oferece aos seus visitantes a cavalgada, o quadriciclo e o passeio de bike.

Site: www.riosucuri.com.br

Parque Ecológico do Rio Formoso

O parque apresenta um belo e agradável receptivo. A caminhada segue por uma trilha na mata ciliar, margeando o Rio Formoso. Subindo o Morro da Piúva avista-se ao longe a Serra da Bodoquena.

A flora exuberante atrai pássaros e animais silvestres. A caminhada de 2.300 m termina no Deck Paraíso onde se inicia a descida do Rio Formoso. O visitante mergulhará próximo a cardumes de peixes, entre algas e troncos submersos. No retorno, o Restaurante da Lagoa oferece apetitosas refeições.

Site: www.parquerioformoso.com.br

Baía Bonita – Aquário Natural e Trilha dos Animais

Aquário Natural

O Aquário Natural impressiona pela limpidez da água, onde você flutua num mundo de belezas e convive por algum tempo com várias espécies de peixes e uma grande variedade de vegetação aquática.

Os cardumes são ótimos anfitriões e acompanham por entre as plantas aquáticas ondulantes. No leito do rio, pedriscos de formação calcária, a responsável pela limpidez da água, refletem a luz do sol em tonalidades que variam do azul ao prata. A diversidade da fauna e flora aquáticas é de fazer com que qualquer pessoa sinta-se num imenso aquário, como de fosse um de seus habitantes.

Durante a flutuação você desce o rio Baía Bonita com equipamento necessário para não tocar no fundo e nas plantas para evitar que a água turve. Quem não quer flutuar pode acompanhar o grupo em barco de apoio, logo atrás.

A recepção, o restaurante e o Museu são construções rústicas de troncos de árvores e cobertura de sapé. Na piscina você pratica o uso de máscara e snorkel antes de ir para o rio.

Trilha dos Animais

Sempre na Reserva Ecológica Baía Bonita existe uma outra atração imperdível: é o passeio pela Trilha dos Animais, um imenso parque onde vivem e podem ser observados animais regionais muitos dos quais ameaçados de extinção. Existem pontos de observação pelo caminho e dá para ver emas, jacarés, cervos-do-Pantanal, lobos-guarás, sucuris… no local são realizadas pesquisas nas áreas de ecologia e biologia.

Flutuação no Bonito Aventura

O passeio começa com uma trilha interpretativa de 1.800m, onde o visitante pode observar uma grande variedade de palmeiras, bromélias, árvores nativas, pássaros de todas as cores e tamanhos e até animais como cotias, macacos pregos e tatus. Após a caminhada, inicia-se o mergulho livre de 2.200 m pelas águas cristalinas cheias de troncos submersos, tufas calcárias e espeleotemas que formam o maravilhoso mundo submerso do Rio Formoso.

As corredeiras, sem dúvida, são o auge deste passeio. É um passeio de flutuação diferente, onde o visitante sentirá toda a liberdade do rio como se fosse um peixe.

bonito-ms-15

PARQUE NACIONAL

Parque Nacional da Serra da Bodoquena

No ano de 2000 o governo estadual criou o Parque Nacional da Serra da Bodoquena, aumentando em muito a pesquisa científica na região. O parque abrange uma área de 76.481 hectares, os quais foram transformados em área de utilidade pública pelo Decreto de Criação. O parque está dividido em dois fragmentos: um ao norte, com área de 27.793 hectares e outro ao sul, com 48.688 hectares . Sua criação visa proteger a maior área contínua de “mata atlântica” no estado. O terreno do Parque Nacional apresenta características geológicas especiais, com minerais de calcário, urânio, cobre, chumbo e dolomito. A biodiversidade também é gigantesca. Aves, peixes, mamíferos, répteis, insetos e uma infinidade de plantas e árvores atraem pesquisadores de todas as partes do mundo. Ainda em estudo, muitas partes do parque ainda não estão abertas à visitação pública.

PROJETO JIBOIA

O Projeto Jiboia tem como principal objetivo a desmistificação das serpentes não peçonhentas, assim como um trabalho de educação ambiental visando à diminuição da matança indiscriminada das serpentes na natureza e a criação de exemplares em cativeiro para suprir o mercado de animais de estimação evitando a coleta no meio ambiente e o tráfico desses animais que são retirados das matas sem nenhum cuidado.

A palestra é praticamente um show. O palestrante e idealizador Henrique Naufal, conduz de forma agradável uma palestra de mais de 1h sem que você nem perceba o tempo passar. A plateia interage tirando dúvidas e fazendo perguntas, que são sempre respondidas em tom amigável pelo grandalhão e simpático Henrique. No final, todos são convidados a tirar fotos com sua cobra de estimação que passa todo o tempo da conversa em seu pescoço. Uma lembrança cheia de emoção para levar pra casa e contar para os amigos.

Site: www.projetojiboia.com.br

QUADRICICLO

Rota Boiadeira

O passeio é realizado em quadriciclos de 150 cilindradas, freio a disco, suspensão a gás, partida elétrica e aro 10, com isso oferecemos conforto e diversão garantida.

O percurso passa pela estrada boiadeira, que é usada por comitivas de gado como passagem até as fazendas. Trajetos íngremes, com pedras e buracos, no meio da mata e muita lama em dias de chuva, garantem aventura e emoção durante os 9km de percurso, que conta com o acompanhamento de monitor experiente. O treinamento antecipado é obrigatório.

Equipamentos de segurança como capacete e toca higienizada estão inclusos no valor. Duração: 1h e meia.

OBS: Usar calça e tênis e que o mesmo tenha conciencia que e uma atividade off-road (normalmente voltando com sua roupa suja, levar roupa reserva).

RAFTING LEVE

O passeio em si não é muito emocionante, tendo momentos até que se torna meio monótono. No início é bacana por que dá pra apreciar toda a beleza do Rio Formoso e a mata que tem em sua volta. Porém são 7 km de percurso e apenas umas 5 ou 6 quedas. A atividade é muito tranquila, e não deve ser considerado um Rafting.

Aconselhamos esse passeio para famílias e grupos de amigos, por causa da facilidade e praticidade de conhecer uma das atrações de Bonito que é aconselhada pra todas as idades. Vale pelas quedas, que realmente tornaram alguns momentos emocionantes e deram uma dose de adrenalina para agitar o passeio. Vale também pela amizade que fazemos com bote rivais, que tornam a brincadeira muito mais divertida.

Site: botekaraja.blogspot.com

bonito-ms-2

RAPEL

Abismo Anhumas

Localizado à 23 Km de Bonito, o Abismo, como o próprio nome sugere, é uma caverna situada no subsolo onde o único acesso se faz através do Rapel (técnica usada para descida em cordas). O lago situado no interior da caverna está 72m abaixo, sendo esta a altura a ser vencida no Rapel. Em suas águas cristalinas é possível mergulhar até aproximadamente 20m de profundidade em meio a um cenário fantástico de formações calcárias.

Cones com mais de 12 m de altura, são dezenas deles, além de outras formações. Como todo o mergulho é feito em águas abertas, a certificação de curso básico é suficiente. Tmeperatura média da água gira em torno dos 18ºC. A descida é de 72 metros de rapel, leva a um lago com águas cristalinas, do tamanho de um campo de futebol. Abaixo da superfície do lago os praticantes do mergulho livre e autonomo se deparam com enormes estrutura em forma de cones com até 16 metros de altura.

Na parte seca há vários espeleotemas, verdadeiras esculturas produzidas pela natureza. Beleza inesquecível. A região de Bonito é uma das mais privilegiadas do mundo quando o assunto é mergulho em cavernas. Entre as cerca de 80 conhecidas da região, destaca-se o Abismo Anhumas, em que é comum a prática de mergulho autônomo.

Em princípio, o nome “abismo” pode causar receio. Mas, quando o turista descobre que depois da descida de 72 metros por rapel descortina-se um exuberante lago cristalino do tamanho de um campo de futebol, o medo vai embora. De quebra, enquanto se banha, o visitante pode apreciar os diversos espeleotemas nas margens do lago, verdadeiras obras de arte da natureza e, abaixo da superfície, os praticantes de mergulho se deparam com um “vale” de cones, alguns maiores de 20 metros.

Na noite anterior é realizado o treinamento de rapel e ascenção em corda para que você se familiarize com o equipamento e saiba mais sobre as regras de segurança que envolvem esta aventura.

Site: www.abismoanhumas.com.br

Boca da Onça

O rapel da Boca da Onça é pura adrenalina. É considerado o mais alto rapel de plataforma do Brasil: uma descida de 90 metros de altura plena de emoções.

O Cânion do Rio Salobra é o cenário perfeito para a prática do rapel. O rio nasce nas escarpas da Serra da Bodoquena e segue o seu caminho através de um imenso cânion escavado na rocha calcária. É um afluente do Rio Miranda e pertence à bacia hidrográfica do Rio Paraguai. É considerado um rio cênico – protegido por lei – e um dos berçários dos peixes do Pantanal.

Os paredões verticais do cânion são maravilhosas formações rochosas esculpidas há milhões de anos pela força da água e abrigam grutas inexploradas e locais desconhecidos.

Para evitar o desgaste das delicadas rochas calcárias, a operação do rapel é feita em negativo – sem o apoio dos pés na pedra. Para viabilizar a prática, foi construída uma estrutura metálica de 34 metros de comprimento que avança 15 metros sobre o precipício.

Site: www.bocadaonca.com.br

TIROLESAS

Exitem 3 lugares onde é possível fazer tirolesas em BOnito:

– Balneário do Sol
– Parque das Cachoeiras
– Praia da Figueira

Todos já foram descritos com detalhes neste roteiro (acima ou abaixo).

TREKKING DA BOCA DA ONÇA

Trilha Ecológica da Boca da Onça

Quatro quilômetros de caminhada por mata preservada levam você até dez cachoeiras, dentre elas a Cachoeira Boca da Onça – a mais alta do estado do Mato Grosso do Sul. Relaxar em piscinas naturais, se refrescar no rio Salobra e nadar no Buraco do Macaco fazem parte da atividade.

O roteiro inclui: Piscinas da Cutia, Garganta da Arara, Cachoeira da Anta, Cachoeira do Jabuti, Buraco do Macaco, Caverna do Morcego, Cachoeira da Paca, Cachoeira do Fantasma, Cachoeira da Queixada, Poço do Lontra, Praia da Boca da Onça, Poço da Pedra do Baú, Cachoeira Boca da Onça e Garganta da Boca da Onça.

No meio do trajeto você poderá repor as energias no quiosque, que é um ponto de apoio com bar e WC.

Trilha Ecológica do Rio Salobra

O percurso de 2500 metros é feito às margens do Rio Salobra, pela mata ciliar e oferece uma caminhada com paradas para banho em cinco lindas quedas de água do rio e na piscina natural da Cachoeira Boca da Onça.

O passeio proporciona uma deslumbrante visão da Serra da Bodoquena e uma descida emocionante em veículo 4X4 até a base do Cânion do Rio Salobra aonde a caminhada tem o seu início.

O roteiro inclui: Margem do Rio Salobra, Lage do Piau, Cachoeira do Dourado, Corredeira do Cascudo, Estreito do Curimba, Queda da Piraputanga, Cachoeira da Fonte, Cachoeira da Boca da Onça e Garganta da Boca da Onça.

BOCA DA ONÇA ECOTUR
www.bocadaonca.com.br

bonito-ms-13

Essa dica foi útil para você? Por favor, então deixe um comentário e compartilhe também nas suas redes sociais. Este site é feito com muita dedicação e seu apoio/participação realmente nos ajudará a mantê-lo no ar.



TOP 6 DICAS PARA ECONOMIZAR NAS VIAGENS

  • SEGURO VIAGEM - Não faça a besteira de viajar sem um Seguro de Viagem. Na Europa é obrigatório! Faça uma cotação online para ver o quanto é barato viajar tranquilo. Pague no cartão de crédito em até 12x ou com desconto no boleto bancário. Use nosso cupom: VIAGENS5 para um desconto extra de 5%.
  • HOSPEDAGEM - Somos parceiros do Booking.com que garante os melhores preços de hospedagem em qualquer lugar no mundo! Você reserva antecipado, pode cancelar e alterar quando quiser. Faça a sua reserva através do nosso link.
  • CHIP DE CELULAR - Já saia do Brasil com seu Chip Internacional 4G funcionando. Tenha conexão em mais de 140 países para usar o Whatsapp, redes sociais e GPS. Já usamos o chip da EasySIM4u em diversos países e aprovamos.
  • GANHE 130 REAIS! - O Airbnb é a melhor maneira de alugar casas e apartamentos em locais únicos, com preços para todos os bolsos. Ganhe R$130 de desconto na sua primeira reserva acima de R$250. Aproveite!
  • ALUGUEL DE CARRO - Faça aqui sua cotação online entre as melhores locadoras no Brasil e no mundo. A RentCars é nossa parceira e oferece os melhores preços, em reais e sem IOF, com total segurança.
  • NOSSAS EXPEDIÇÕES - Participe das viagens que estamos organizando com nossos leitores! São roteiros exclusivos com o melhor dos destinos e hospedagens selecionadas. Junte-se aos nossos grupos VIPs e vamos viajar juntos.

LEIA TAMBÉM



Denunciar

Curtiu essa matéria?

Escrito por Mauricio Oliveira

Maurício Oliveira é social media expert, fotógrafo, videomaker, consultor de turismo, blogueiro, influenciador e empreendedor. CEO do Trilhas e Aventuras, conta suas experiências de viagens no blog Viagens Possíveis e criador de inovadoras ações de marketing de turismo, o BlogTur e o VIPBloggers. Ama o que faz no seu trabalho e nas horas vagas também gosta de viajar. Siga no Instagram e no Twitter, curta no Facebook, assista no Youtube e circule Mauricio Oliveira e Trilhas e Aventuras no Google Plus.

Comentários

Deixe um comentário
  1. Maurício, queria muito ter encontrado este post antes da minha viagem à Bonito. Foi dureza escolher entre tantos passeios (e poucos dias) e fechar o roteiro! Parabéns pelo conteúdo, muito completo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carregando…

0

Comentários

0 comentários

Onde ficar em Bonito – MS

Saiba mais sobre o Pantanal – MS