Compartilhe

Com a falta de um serviço de transporte público de qualidade (trem, metrô, ônibus, etc) somos obrigados a utilizar outros meios para chegarmos ao destino final em segurança. Com isso, os problemas com segurança são constantes. Isso sem falar dos preços abusivos cobrados por taxistas que teimam em não fazer a coisa certa. Faltam linhas expressas para interligar bairros distantes, linhas de metrô atrativas nas grandes cidades e ônibus nas pequenas.

O descaso é geral. Com isso é cada vez mais comum os grandes engarrafamentos, atrasos e estresses do dia-a-dia. O que será do nosso Brasil com a chegada da Copa e das Olimpíadas? Haverá tempo para concluir as obras ou iremos apenas maquiar os problemas temporariamente?

Nesta terça (24/04/12) organizamos um debate realizado via Twitter com a hashtag #TurismoEmDebate e foram lançadas 7 questões que foram amplamente comentadas por centenas de participantes, blogueiros, turismólogos e viajantes. Desta vez ocupamos a 3ª posição dos Trend Topics Brasil.

O Turismo em Debate entrou no 3º lugar nos Trending Topics Brasil
O Turismo em Debate entrou no 3º lugar nos Trending Topics Brasil

Vejam as perguntas que fizemos:

Q1 – Existe alguma cidade brasileira que podemos dizer que tem um transporte público de qualidade?
Q2 – Como morador, quais as falhas mais agravantes no transporte público da sua cidade? E como turista, o que você nota?
Q3 – Quais países o Brasil deveria seguir como exemplo para melhorar o transporte público?
Q4 – Como a má qualidade do transporte público no Brasil atrapalha o planejamento de uma viagem?
Q5 – Saindo da esfera pública, mas ainda sobre transporte: Quais as dificuldades enfrentadas ao utilizar aeroportos?
Q6 – Entre os meios de transporte público, em qual ou quais deles o governo deveria dar prioridade?
Q7 – E a bicicleta? O que acha do incentivo deste meio de transporte? Quem já usa?

O que foi falado no debate

Porto Alegre e Curitiba foram cidades bastante elogiadas pelos participantes do chat. Estamos sempre vendo matérias que falam sobre a facilidade de se movimentar nelas. A grande surpresa foi ver o Rio de Janeiro e São Paulo também aparecerem com elogios sobre os ônibus e metrôs. Recentemente saiu até uma matéria do JN fazendo um teste mobilidade urbana em SP e os resultados foram assustadores. A Record também mostrou o caos e a ineficiência do transporte público paulista.

Como morador do RJ sinto falta de uma melhor sinalização, oferta e pontualidade. Vejo que os turistas que visitam a cidade estão à mercê da sorte. Não é a toa que a Delegacia de Atendimento ao Turista (DEAT) vem registrando inúmeros casos de violência ano após ano. Mas não é este o nosso foco. Muito já foi falado sobre a segurança durante as viagens no Turismo em Debate no mês passado.

Vamos parar e pensar sobre o que essa foto representa?
Vamos parar e pensar sobre o que essa foto representa?

O Canadá e a Alemanha, por exemplo, se destacaram com diversos elogios sobre seus meios de transporte. Aparentemente estão anos luz a nossa frente, com sistemas nas estações informando quantos minutos/segundos faltam para a próxima condução chegar. Já pensou poder cumprir um roteiro turístico com total certeza? Perfeito demais, hein.

Quando questionamos sobre as prioridades dos governos para resolverem os problemas apresentados, a participante @Tati_Akamine foi direto ao ponto:

Talvez a solução para o transporte urbano já exista há tempos – a bicicleta – e cada vez ela torna-se mais atraente e funcional. O destaque vai para a Yike Bike, uma bicicleta dobrável e elétrica projetada pelo neozelandês Grant Ryan. Só achei o preço salgado, variando de 2 a 4 mil dólares.

No Brasil existem diversas opções elétricas e sustentáveis. Se a bike acima não estiver ao alcance do seu bolso, é possível optar também por soluções mais baratas, como uma Scooter Elétrica que foi lançada por aqui este ano pela Two Dogs e se consolidou como um meio de transporte não poluente, feito de material reciclável, com pneus de alta durabilidade, movido à bateria e que ainda pode ser usado nas horas de lazer. Possui carga suficiente para andar por duas horas tranquilamente. O valor está na faixa dos 2 mil reais.

Bicicleta Elétrica
Bicicleta Elétrica

Scooter Elétrica
Scooter Elétrica

Yike Bike Elétrica
Yike Bike Elétrica

Eu mesmo estou pensando seriamente em ter uma dessas opções elétricas para me locomover melhor aqui no meu bairro. Nunca andei em uma, mas estou com tentado a fazer um test-drive assim que tiver um tempo de ir a uma loja. Acredito demais na sustentabilidade e na melhoria do trânsito devido o uso das bikes e quero fazer a minha parte.

Por fim, gostaria de agradecer ao Jonathan, do blog Eu Vou de Mochila, pela ajuda com as perguntas e convocando os participantes durante a semana. Ele foi um super CO-HOST este mês. Obrigado por tudo, parceiro!

Para o restante dos brasileiros, o transporte público em Curitiba é exemplar. Você concorda?
Para o restante dos brasileiros, o transporte público em Curitiba é exemplar. Você concorda?

Sobre a Blogagem Coletiva: Turismo em Debate

O Turismo em Debate é uma Blogagem Coletiva Social com o objetivo de promover melhorias no turismo nacional. Durante todo o ano de 2012 iremos debater sobre temas relacionados ao turismo, com um tema por mês.

Para quem não acompanhou o debate no Twitter com a hashtag #TurismoEmDebate, basta ler o documento que salvamos com tudo que foi falado logo abaixo.

Dica: Navegue de trás para frente para entender melhor o debate.

Vários blogs estão participando desta Blogagem Coletiva. Participe você também e faça parte das mudanças que estão por vir. Leiam também alguns posts abaixo:

– Aventura Mango: Transporte: Infraestrutura que faz falta
– Vida de Turista: Transporte público de qualidade para turistas e sociedade
– Gabis na Estrada: Vai de que?
– Aventureiros: Transporte público de qualidade existe?
– Andarilhos do Mundo: O Sistema de Transportes Brasileiro
– Dani Polis: Transporte Público
– Eu vou de Mochila: As falhas no Transporte Público

Envie o seu link também!

Um comentário

  1. Aooooo meu brother, eu que fico feliz em poder contribuir com essa ideia fantástica do #TurismoEmDebate

    Temos que fazer barulho mesmo pra tentar melhorar, nem que seja um pouquinho a qualidade do turismo nacional.

    Abração manow!

    Jonathan Padua

Deixe seu Comentário